Monthly Archives: Agosto 2018

Notícia de trabalhadores agrícolas que sofreram insolação foi a mais lida

A notícia dos trabalhadores agrícolas que foram assistidos pelos bombeiros devido a uma insolação, provocada pelas altas temperaturas, nos campos da Golegã foi a mais lida da semana na página de O MIRANTE na rede social facebook com cerca de 17 mil visualizações e 930 reacções, entre comentários e partilhas. “Bombeiros Municipais de Santarém indignados com vídeo em que são denegridos” foi a segunda notícia mais lida com um alcance de aproximadamente 13 mil leitores e 320 reacções. A notícia do carro incendiado na A1 cujo fogo alastrou a zona de pinhal foi a terceira mais lida com cerca de 10 mil leitores.
Seguem outras notícias que estiveram em destaque esta semana em http://www.omirante.pt: “Incêndio destrói loja chinesa em Alcanena”; “Há quem tenha de trabalhar mesmo que o sol esteja a queimar”; “Casa destruída pelas obras da A10 continua por reconstruir”; “Encontrado idoso desaparecido após apanhar boleia com freiras”; “Bombeiros retiram carro da Barragem de Magos”.

Anúncios

Descoberta do corpo de idoso é notícia mais lida

A notícia do idoso que estava desaparecido há quatro meses na zona de Chancelaria, Torres Novas, depois de ter apanhado boleia do hospital para casa, com umas freiras, foi a mais lida da semana na página de O MIRANTE na rede social Facebook. A notícia teve um alcance de cerca de vinte mil leitores e meio milhar de reacções. “Casal belga vive no cais de Vila Franca de Xira” também despertou o interesse dos cibernautas com um alcance de cerca de 14 mil leitores. A entrevista ao cabo do Grupo de Forcados Amadores da Chamusca, Nuno Marecos, esteve também em destaque com um alcance de cerca de 12 mil visualizações.
Seguem outras notícias que estiveram em destaque esta semana em http://www.omirante.pt: “Brincadeira obriga GNR a remover carro abandonado na berma da EN 118”; “Ferido em colisão junto à Escola Agrária de Santarém”; “Piscina da Cercipóvoa fecha por estar em mau estado”; “Empresário de Almeirim foi passear o cão e ficou preso num banco de areia no Tejo”.